Olá,

Visitante

Pais Como Co-Terapeuta das Crianças Assistidas no Programa de Atenção a Saúde Mental – Paps

A presente oficina é coordenada pela psicóloga do PAPS, onde a estrutura de cada uma das sessões foi organizada em três etapas: na primeira eram verificadas e discutidas as tarefas propostas e realizadas pelos pais na semana anterior. Queixas de dúvidas, dificuldades, falhas e referências a sucessos eram analisadas pelo grupo, com mediação do terapeuta. Na segunda, apresentava-se o passo da sessão conforme a seqüência pré-estabelecida, incentivando-se os pais a relatarem suas dificuldades e acertos. Nesta etapa, além da instrução, recorria-se a procedimentos de ensaio comportamental como prática efetiva para fortalecer a aprendizagem e facilitar a generalização. Na última etapa, explicitava-se a nova tarefa a ser realizada no decorrer da semana. Estes encontros acontecem mensalmente com duração de seis meses.

O projeto foi criado a partir da demanda dos pais que procuram o serviço de Psicologia no PAPS, para resolver problemas de comportamento, em geral birras e agressividades dos filhos. E por perceber também que os pais são, usualmente, o principal agente de mudança no processo terapêutico de seus filhos, atuando como mediadores entre a orientação profissional e a implementação de contingências favoráveis à mudança do filho em seu ambiente natural e com a intenção de sensibilizar os pais para dialogar e encontrar novas estratégias de relacionamento com os filhos é que a oficina se fez necessária como uma alternativa de possibilitar que estes percebam a sua importância na vida dos filhos e como exercem influência sobre os mesmos oferecendo assim a oportunidade da família se auto-avaliar e desta forma estabelecer pontos importantes nesta relação tais como

A perspectiva desta oficina é mudar a ênfase da família, dos comportamentos problemáticos para os comportamentos adaptativos e dá a oportunidade de se exercitar na utilização de técnicas disciplinares que além de muito mais eficazes promovem um convívio familiar mais gratificante. Além disto, tem se a intenção de incluir outros profissionais nesta oficina como forma de agregar novos saberes e como também, de inserir esta oficina em outros espaços da atenção básica de saúde.

Principal

Taisa Ribeiro Lopes

taisalopes@hotmail.com

A prática foi aplicada em

Madre de Deus

Bahia

Nordeste

Instituição

Av. Rodolfo de Queiroz Filho, 94

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Taisa Ribeiro Lopes

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Experiência do Preventivo Humanizado no SUS
Maranhão
Práticas
Implantação do serviço de curativos na atenção básica do município de Arara: experiência exitosa
Paraíba
Práticas
Assistência odontológica aos trabalhadores da saúde municipal de Esperança: relato de experiência
Paraíba
Práticas
Caminhos do Cuidado, levando serviços de saúde para as comunidades rurais no município de Condado (PB)
Paraíba
Práticas
Gestar saudável – de 0 a 1000 dias
Paraíba
Práticas
Mapa territorial em saúde mental: instrumento exitoso do cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
Implementação da estratégia Tenda da Imunização para aumento de coberturas vacinais
Todos os Estados (Nordeste), Paraíba