Olá,

Visitante

“Conhecer para Cuidar”: uma Experiência Intersetorial Voltada para a Saúde do Idoso

FINALIDADE DA EXPERIÊNCIA: Proporcionar qualificação para familiares que exerciam a função de cuidadores de idosos do município de Serra, possibilitando a prestação de um atendimento padronizado e eficiente no cuidado, na atuação como multiplicadores dos conhecimentos adquiridos em seus espaços residenciais e objetivando diminuir os agravos decorrentes de doenças incapacitantes.DINÂMICA E ESTRATÉGIAS DOS PROCEDIMENTOS USADOS: Inicialmente dentro da lógica de suporte, apoio e parcerias articulou-se reuniões intersetoriais com os profissionais envolvidos no planejamento e execução do projeto. Os temas escolhidos pela equipe, todos referentes ao cuidado foram abordados através de palestras, aulas expositivas e dinâmicas reflexivas por profissionais da municipalidade com carga horária de 16 horas no total, distribuídos em 02 dias, sendo divididos em módulos para melhor aproveitamento dos conteúdos, sendo assim definidos:No 1º módulo foram abordados temas sobre Violência contra a Pessoa Idosa, Aspectos Demográficos e Epidemiológicos do Envelhecimento e Políticas Públicas voltadas para o Idoso pelo profissional Assistente Social, no 2º módulo foram abordados os temas da Saúde Bucal do Idoso e Aspectos Nutricionais pelos profissionais Odontólogo e Nutricionista respectivamente, no 3º módulo os temas discutidos estiveram voltados para as Orientações de Fisioterapia por um profissional Fisioterapeuta e Orientações de Enfermagem pelo profissional Enfermeiro e no 4º e último módulo discutiu-se sobre Doenças Prevalentes através de Médico Geriatra e Aspectos Psicológicos do Cuidador por uma Psicóloga.As inscrições se efetivaram por telefones previamente divulgados através do site da PMS, imprensa escrita e falada e por meio de cartazes distribuídos nas Unidades/Regionais de Saúde, Secretaria de Saúde e sede do IPS. O material de apoio (pastas, canetas, apostilas, material audiovisual e material educativo), o coffe-break e o local do curso foram viabilizados através de parcerias firmadas dentro da municipalidade.A avaliação foi feita através da forma escrita no momento da finalização do curso.OBSERVAÇÕES/AVALIAÇÃO/MONITORAMENTOA efetivação do projeto se deu a partir do ano de 2010 com a parceria do Instituto de Aposentadoria dos Servidores municipais com a identificação de familiares de servidores da inatividade e das áreas de Estratégia de Saúde da Família que cuidavam de idosos com algum grau de incapacidade. Por ser uma iniciativa pioneira no Estado, houve grande adesão à capacitação, sendo necessária a ampliação do número de vagas com a realização de duas capacitações ao ano. O curso de cuidadores tornou-se assim, uma ação de educação continuada no município, capacitando até o presente momento mais de 300 pessoas.

O envelhecimento é uma realidade mundial. Nos países desenvolvidos esse fenômeno aconteceu de forma gradual, ao longo dos anos, enquanto que no Brasil acontece de forma acelerada, sem grandes mudanças sociais e econômicas. A Transição Demográfica caracteriza-se pelo aumento proporcional de idosos em uma população, resultado de um progressivo declínio nas taxas de fecundidade, provocando uma diminuição proporcional de jovens. Com a mudança o perfil demográfico, há também uma mudança nas questões de morbidade e mortalidade pelas doenças crônicas não transmissíveis, principalmente as doenças cérebro- vasculares e isquêmicas, além das neoplasias, doenças cardiovasculares e as neuro-degenerativas que afetam mais a população idosa, fenômeno esse conhecido como Transição Epidemiológica. Situação desafiadora para a saúde brasileira pelo fato das doenças crônicas requererem acompanhamento a longo prazo numa perspectiva de controle e não de cura e as doenças neuro-degenerativas demandarem o uso de tecnologias de média e alta complexidade que elevam os custos dos serviços.Promover ações para qualificar a vida dos idosos é de responsabilidade de todos no intuito de dar respostas às questões das peculiaridades das pessoas acima de 60 anos. A capacitação do cuidador de idoso, presença cada vez mais freqüente nos lares diante do fenômeno do envelhecimento, torna-se assim, fundamental para qualificar o atendimento ao idoso no município, dentro da lógica que a orientação e o conhecimento são necessários e relevantes para o cuidado.

Enquanto o envelhecimento nos países desenvolvidos aconteceu lentamente dentro de um período de 1 (hum) século, sendo associado principalmente à melhoria da qualidade de vida da população, no Brasil o envelhecimento é sentido de forma rápida (em poucas décadas) e sem alterações de melhoria social e econômica de vida. Situação que provoca na grande maioria das famílias dificuldades para promover o cuidado profissional para os idosos com alguma incapacidade ou dependência. Sendo assim, o cuidador familiar é presença cada vez mais freqüente nos lares. Diante disso, sabemos que o cuidado não orientado, pode provocar mais complicações para quem necessita do mesmo. É necessário ressaltar ainda que o cuidado no domicílio proporciona o convívio familiar, evitando o asilamento e diminuindo o tempo de internação hospitalar, reduzindo desta forma, as complicações decorrentes das longas internações.É importante acreditar que iniciativas simples e com investimentos financeiros mínimos, podem garantir efetividade das ações contribuindo de forma relevante para a melhoria de vida da população, reconhecendo que o trabalho intersetorial e o apoio dos gestores são fundamentais na promoção de políticas públicas que impactam positivamente na vida de todos.

Principal

Rosana Maria Orlandi

A prática foi aplicada em

Serra

Espírito Santo

Sudeste

Instituição

Av. Talma Rodrigues Ribeiro, 5416,Portal de Jacaraípe

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Rosana Maria Orlandi

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Assistência odontológica aos trabalhadores da saúde municipal de Esperança: relato de experiência
Paraíba
Práticas
Caminhos do Cuidado, levando serviços de saúde para as comunidades rurais no município de Condado (PB)
Paraíba
Práticas
Gestar saudável – de 0 a 1000 dias
Paraíba
Práticas
Mapa territorial em saúde mental: instrumento exitoso do cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
Implementação da estratégia Tenda da Imunização para aumento de coberturas vacinais
Todos os Estados (Nordeste), Paraíba
Práticas
Estratégias de imunização em município do interior da Paraíba resulta em 1º lugar no estado durante campanha de influenza 2024 : relato de experiência
Paraíba