Olá,

Visitante

Relato de Experiência: Práticas Integrativas e Complementares no Grupo de Tabagismo Numa Unidade de Saúde da Família em Garanhuns – Pe

o tabagismo é reconhecido como uma dependência química que expõe as pessoas a inúmeras substâncias tóxicas, sendo responsável por mais de 157 mil infartos agudos do miocárdio, aproximadamente 75 mil acidentes cerebrovasculares e 63 mil diagnósticos de câncer(INCA, 2008).A Atenção Primária à Saúde tem atuação relevante no diagnóstico da dependência e tratamento de fumantes, visto que em torno de 70% dos tabagistas frequentam as Unidades Básicas de Saúde para cuidados relacionados à problemas de saúde.as terapias integrativas, tais como auriculoterapia, são consideradas intervenções eficazes e seguras na cessação do tabagismo(SILVA, 2014).Com o objetivo de mudar as recaídas e desistências dos usuários no grupo de tabagismo foi realizada a introdução de PICS, dentre estas, a auriculoterapia na expectativa de propor tratamento preventivo para a redução dos níveis de ansiedade, a fim de que se tenha melhor adesão, redução e cessação do uso do tabaco.

Descrever o resultado das Práticas Integrativas e Complementares (PICS) como intervenção no apoio à cessação do tabagismo na Atenção Básica. Estudo descritivo realizado com 16 usuários de uma Unidade de Saúde da Família, no município de Garanhuns – PE, no período de Setembro e Outubro de 2018. Os grupos foram realizados pelo profissional de enfermagem e residentes (Residência do Hospital Regional Dom Moura e Saúde do Campo). A captação dos usuários foi realizada através da avaliação inicial individualizada através do preenchimento da ficha padronizada para classificação do grau de dependência. Os critérios de inclusão foram o desejo de parar de fumar e disponibilidade de horário, e os critérios de exclusão foram presença de infecção, inflamação ou ferimento no pavilhão auricular e não comparecer em duas ou mais sessões consecutivas.

Nos grupos dos meses de setembro a outubro, com a utilização das PICS a partir da primeira sessão, foram avaliados 16 usuários, destes, 9 reduziram o uso do cigarro e 7 cessaram entre a 2ª e 3ª sessão.as Práticas Integrativas contribuíram na redução e cessação, além do alívio dos sintomas da abstinência do tabagismo. Usuários relataram redução da inapetência, insônia, sentimentos de angústia e depressão após as sessões da prática auricular. A experiência da auriculoterapia aliada ao tratamento do tabagismo, na USF Heliópolis, tem se mostrado relevante na cessação do uso do tabaco, tendo sua confirmação diante da grande procura e adesão ao serviço após a sua implantação.

Principal

Lívia Cristina Rios De Carvalho

liviaenfer@gmail.com

Coautores

Pollyana Jorge Novaes Bantim, Marcella Maria Barbosa De Albuquerque Lima, Maria Consuelo Figueiredo Monteiro De Moraes, Juliana Oliveira Torres Benjoino, Anne Araújo Cotias Ribeiro

A prática foi aplicada em

Garanhuns

Pernambuco

Nordeste

Instituição

Av. Getúlio Vargas 342, Heliópolis

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Nilva Mendes Sá

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

08 abr 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
Vigilância e Controle da Febre Amarela na Coordenadoria Regional de Saúde Sul do Município de São Paulo
São Paulo
Práticas
Sucessus 2018: Nossa Equipe É Show! – Valorização do Trabalhador do SUS e das Experiências Inovadoras no Cuidado em Saúde na Região de Vila Prudente/Sapopemba, Município de Sp
São Paulo
Práticas
Experiência de des institucionalização: o Resgate da Cidadania e da Dignidade no Relato de Profissionais e Pacientes
São Paulo
Práticas
Educação Permanente em Saúde Diária como Estratégia de Sustentação na Integração Entre Equipes Técnicas Distintas – Atenção Básica e Vigilâncias
São Paulo
Práticas
Avaliação Interdisciplinar e Diagnóstico Diferencial – Mobilização na Busca de uma Linha de Cuidado Assertiva no Cer de São Bernardo do Campo
São Paulo
Práticas
Intervenção do Farmacêutico do Nasf no Uso Irracional de Antiinflamatórios Não Esteroidais (Aines), uma Experiência da Ubs União
São Paulo
Práticas
Tecendo Redes: uma Experiência de Articulação do Trabalho em Rede Intersetorial em um Território de Saúde no Município de Assis/Sp
São Paulo
Práticas
Empoderamento Social em Defesa do SUS no Município de des calvado – Sp
São Paulo
Práticas
A Experiência de Implantação da Política de Saúde Integral para Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (Lgbt) na Região Central do Município de São Paulo
São Paulo
Práticas
des envolvimento da Gestão de Custos no SUS em São José do Rio Preto
São Paulo