Olá,

Visitante

Policlínica de Aracati: Um Novo Conceito de Serviços no SUS com a Formação das Redes nos Consórcios Públicos de Saúde do Ceará.

O governo do Estado do Ceará no intuito de exercer da melhor forma o sentido da palavra governança e pensando em fortalecer a regionalização em saúde, assumiu a responsabilidade consorciada com os municípios para atender a demanda da atenção secundária de consultas, procedimentos e exames especializados em saúde, que estavam superlotando os hospitais e demais serviços da nossa capital Fortaleza. Assim em uma iniciativa inédita, os municípios foram estimulados a formar consórcios em cada uma das 21 microrregiões de saúde do estado onde foram baseados nas legislações federal, seguido da criação de uma lei estadual e leis em todos os 184 municípios do estado, realizando a criação dos consórcios que administram os recursos destinados para gestão das policlínicas. Tudo isto faz parte do Programa de Expansão e Melhoria do Atendimento Especializado no estado do Ceará que é composto dentre outros pela criação da rede de saúde com 22 policlínicas e 16 Ceo´ s, 3 hospitais regionais no interior, onde junto com os SAMU, as UPAs e demais equipamentos públicos federais, estaduais e municipais, se integram em uma rede de saúde pioneira no país. O Consórcio Público de Saúde da Microrregião de Aracati (CPSMAR) é uma estratégia para o fortalecimento da regionalização da saúde, melhorando o acesso aos serviços de saúde, atuando exclusivamente na atenção secundária, reduzindo custos operacionais, compartilhar recursos, equipamentos e pessoal dentro da microrregião, visando fortalecer as instâncias locais. O CPSMAR é uma Associação Pública, de natureza Autárquica e Inter federativa, com Personalidade Jurídica de Direito Público, composto pelo Governo do Estado e os municípios que compõe a 7º coordenadoria regional de saúde que congrega Aracati, Fortim, Icapuí e Itaiçaba. A Policlínica de Aracati Dr. José Hamilton Saraiva Barbosa foi Construída exclusivamente com recursos do tesouro do estadual, recebeu investimentos de R$ 4.793.093,13 em obras e R$ 3.523.743,00 reais em equipamentos e cedida em comodato ao CPSMAR para que este possa cumprir seu papel social que é gerir os recursos oriundos da arrecadação do contrato de rateio assinado pelos municípios com o Estado e assim possam executar um contrato de programa atendendo a população na policlínica de Aracati. Na policlínica de porte I, a população da região de saúde tem acesso a consultas e exames em cirurgia geral, cardiologia, ginecologia e obstetrícia, gastroenterologia, traumato ortopedia, otorrinolaringologia, urologia, oftalmologia, fisioterapia, fonoaudiologia, terapia ocupacional, enfermagem, nutrição dentre outros. A unidade realiza exames de mamografia, raio-x, ecocardiograma, ergometria, teste da orelhinha, tratamento do pé diabético, ultra som, audiometria, eletrocardiograma, pequenas cirurgias de lesões e sinais, acompanhamento de pré-natal de risco, dentro dos mais altos padrões de qualidade em saúde e totalmente regulada pelo Sistema Nacional de Regulação (SISREG). Atendendo a população das cidades com exames e consultas pré-agendados no SISREG marcados pela central de regulação dos municípios que ao todo geram uma demanda de mais de 1.600 atendimentos mensais em diversas especialidades. A gestão da policlínica com os seus diretores, bem como seus profissionais, foram selecionado de forma transparente e adequada para o novo modelo de gestão por competências estabelecido pelo Governo do Estado do Ceará em uma gestão ousada e baseada na meritocracia. Os dados que serão expostos são baseados nos relatórios de gestão da direção da policlínica de aracati, estes são visíveis e refletem o esforço das equipes em realizar neste primeiro ano mais de 20.000 atendimentos à população com um alto padrão de excelência no SUS totalmente regulados pelo SISREG.

Atender a demanda da atenção secundária de consultas, procedimentos e exames especializados em saúde, que estavam superlotando os hospitais e demais serviços da nossa capital Fortaleza.

Principal

Ricardo Lotif Araújo

A prática foi aplicada em

Fortaleza

Ceará

Nordeste

Instituição

Endereço

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Ricardo Lotif Araújo

Conta vinculada

ideiasus@gmail.com

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Estratificação de Pacientes Ambulatoriais Através de Rotas Permite Que Pacientes em Situação de Risco Não Fiquem Esquecidos na Linha de Cuidados Ambulatoriais.
Paraná
Práticas
Cuidar e Acolher Um Sonho Possível
Sergipe
Práticas
Digite Saúdeeste Portal de Saúde Alinha de Forma Interativa, Gestores, Provedores, Médicos e Usuários Permitindo Alto Impacto e Grande Alcance, Melhorando a Coleta de Dados e os Resultados obtidos.
São Paulo
Práticas
Comunicare – Redes Temáticas
Minas Gerais