Olá,

Visitante

o des afio de Acolher e Incorporar A População Masculina às Ações e Serviços da Atenção Básica – uma Busca Por Melhores Indicadores e Por um Upgrade na Qualidade de Vida

Neste ano de 2019, a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem completa uma década de existência, contudo, sabe-se que um grande percentual de municípios brasileiros enfrenta dificuldades para aplicá-la na prática, sendo as ações voltadas à saú¬de dos homens mais restritas a campanhas/educação em saúde pontuais. Além disso, se reconhece que boa parte deste segmento populacional ainda apre¬senta dificuldades em reconhecer suas próprias neces¬sidades em saúde, rejeitando/temendo a possibilidade de adoecer, preservando a invulnerabilidade masculina, o mito do herói e a desculpa do papel social de provedor. em nosso município esta realidade se replica, sendo agravado pela dificuldade de acesso relacionada à baixa densidade demográfica, grande extensão rural e baixo poder aquisitivo/escolaridade, justificando, portanto, a organização de ações permanentes descentralizadas que garantam acesso e acolhimento de qualidade respeitando os preceitos da integralidade e equidade.

Fortalecer a ESF como porta de entrada para uma atenção integral à saúde do homem, ofertando ações de promoção, prevenção, assistência e recuperação da saúde, através da organização do acesso e do acolhimento, garantindo uma postura inclusiva e momen Projeto-piloto em assentamento da reforma agrária, em dia previamente agendado e divulgado junto aos homens da comunidade contando com equipe multiprofissional que se deslocou na unidade móvel, ofertando anamnese com resgate do histórico de saúde, exame de saúde bucal, antropometria e consulta com nutricionista, verificação de sinais vitais, triagem oftalmológica, realização de testes rápidos para sífilis, HIV, hepatite B e C, consulta médica, solicitação de exames de rotina e encaminhamentos especializados necessários, além de atividade de educação em saúde. Dado a assertiva da ação, foi expandida para outras comunidades rurais e sede, onde se realiza no turno da noite para garantir o acesso aos homens inseridos no mercado de trabalho.

Grande procura e resposta positiva dos homens à ação com identificação de importantes situações que demandam cuidados: alterações na saúde bucal, cerca de 80% dos homens com sobrepeso ou obesidade e 90% com risco para doença cardiovascular aumentado devido circunferência abdominal elevada, dores crônicas e sintomas urinários nunca antes abordados em consulta, doenças crônicas descompensadas, diagnósticos de novas patologias, como hipertensão, diabetes, HIV e hepatites, sintomas depressivos, inclusive com ideação suicida, abuso de tabaco e álcool e dificuldade visual. A participação nos momentos de educação em saúde foi positiva. A satisfação dos usuários ficou evidente nas inúmeras solicitações pela manutenção da prática no território.É necessário que os serviços de saúde abram suas portas e realizem um chamamento aos homens, como forma de motivá-los a acessar os serviços e expor seus dilemas, visto que necessitam de cuidado e de ser ouvidos. Um acolhimento de qualidade, que tenha por base a empatia, favorece a manutenção do vínculo e a co-responsabilização usuário-equipe. Possibilitou crescimento pessoal e profissional na equipe, que se aperfeiçoou para atender às especificidades características do universo masculino.

Principal

Carla Dias Dutra

cadidu83@hotmail.com

Coautores

Raquel De Oliveira Antunes, Alessandra Mariza Dos Santos, Rosane Gehling Reimche, Rita Mara Barcellos Dutra, Angela Berenice Rodrigues

A prática foi aplicada em

Aceguá

Rio Grande do Sul

Sul

Instituição

Rua João Manoel 180D Aceguá - Rio Grande Do Sul

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Valtraut Kroker

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Vigilância e Controle da Febre Amarela na Coordenadoria Regional de Saúde Sul do Município de São Paulo
São Paulo
Práticas
Sucessus 2018: Nossa Equipe É Show! – Valorização do Trabalhador do SUS e das Experiências Inovadoras no Cuidado em Saúde na Região de Vila Prudente/Sapopemba, Município de Sp
São Paulo
Práticas
Experiência de des institucionalização: o Resgate da Cidadania e da Dignidade no Relato de Profissionais e Pacientes
São Paulo
Práticas
Educação Permanente em Saúde Diária como Estratégia de Sustentação na Integração Entre Equipes Técnicas Distintas – Atenção Básica e Vigilâncias
São Paulo
Práticas
Avaliação Interdisciplinar e Diagnóstico Diferencial – Mobilização na Busca de uma Linha de Cuidado Assertiva no Cer de São Bernardo do Campo
São Paulo
Práticas
Intervenção do Farmacêutico do Nasf no Uso Irracional de Antiinflamatórios Não Esteroidais (Aines), uma Experiência da Ubs União
São Paulo
Práticas
Tecendo Redes: uma Experiência de Articulação do Trabalho em Rede Intersetorial em um Território de Saúde no Município de Assis/Sp
São Paulo
Práticas
Empoderamento Social em Defesa do SUS no Município de des calvado – Sp
São Paulo
Práticas
A Experiência de Implantação da Política de Saúde Integral para Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (Lgbt) na Região Central do Município de São Paulo
São Paulo
Práticas
des envolvimento da Gestão de Custos no SUS em São José do Rio Preto
São Paulo