Olá,

Visitante

Integração das Ações Atenção Básica em Saúde e Vigilância em Saúde no Município de Barra de Santana – Paraíba – uma Realidade no Território

A experiência da integração da Atenção Básica e a Vigilância em Saúde no município de Barra de Santana/PB, população estimada em 8.249 habitantes, distribuída quase totalmente na zona rural. Esta integração iniciou-se em 2010, mas sem avanços. em 2018 houve uma evolução significante. Este trabalho mostra vantagens e benefícios para os profissionais da saúde e população, que ora são acompanhados por equipes integradas e qualificadas. Conforme a Portaria 2.436/2017 a Atenção Básica e Vigilância em Saúde devem trabalhar integradas, de modo que identifiquem os problemas de saúde e planejem o processo trabalho em conjunto. Nas atividades específicas dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate as Endemias, são realizadas ações de promoção, de prevenção, de doenças e agravos prevalentes, identificando e registrando situações de importância epidemiológica de forma individual e coletiva, buscando parcerias e recursos que possam potencializar esta integração.

Mostrar como está ocorrendo à integração entre Atenção Básica e Vigilância em Saúde no município de Barra de Santana/PB, destacando os benefícios trazidos por ela para os profissionais de saúde, para a população e para a gestão. o primeiro passo para a integração acontecer foi reunir as coordenações de Atenção Básica e Vigilância em Saúde no mesmo ambiente de trabalho, aproximando a Vigilância em Saúde das Equipes de Atenção Básica, onde os agravos/doenças detectados em suas áreas são informados diariamente. Os profissionais tem acesso direto às mesmas, aumentando assim as notificações necessárias para alimentar os sistemas de informação e traçar um perfil epidemiológico próximo da realidade, além de facilitar a rapidez na busca ativa, quando for o caso, partindo para a ação de forma integrada no território. São realizadas reuniões mensais de planejamento e programadas ações da Atenção Básica/Vigilância em Saúde em suas áreas e buscando soluções alternativas.

o resultado esperado seria a redução da infestação do Aedes Aegypti que no 2º LIA/2018 que resultou em 14,5, um índice extremamente alto, com risco de epidemia das arboviroses relacionadas.A partir dai, vimos a necessidade de intensificar esta integração e amplia-las com mais ações da Atenção Básica. Foram realizadas reuniões com os ACSs e ACEs e toda a equipe, sobre o problema e planejadas estratégias de ação em busca de soluções emergentes que provocassem mudanças de comportamento e participação ativa da população. o resultado foi satisfatório. Começamos a observar outros pontos relevantes como o vínculo que foi criado entre as estratégias e hoje é uma realidade. Podemos ver os demais profissionais interagindo com a VigilânciaConcluímos que essa integração foi uma das iniciativas mais exitosas para o município. como resultado tivemos o 1º LIA de 2019 com resultado de 1,7, melhor em 07 anos. Este trabalho ser deve continuo e não pode retroceder, pois, estas ações foram integradas em busca de resultados que impactem na saúde da população.

Principal

Francisca Eudezia Damaceno Nunes

eudeziadamaceno@yahoo.com.br

Coautores

Ambrozina Barreto Lira, Maria Andrea Mendes Barbosa, Porcina Dos Remedios Gomes Trigueiro, Ivone Almeida De Andrade,

A prática foi aplicada em

Barra de Santana

Paraíba

Nordeste

Instituição

Rua Newton Estilac Leal, 1066, Alto Branco, Campina Grande – Paraíba

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Francisca Eudezia Damaceno Nunes

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal