Olá,

Visitante

Implantação do Projeto Samuzinho em Riachão das Neves – Bahia

o Projeto Samuzinho acontece na base descentralizada de Riachão das Neves, extremo oeste baiano, sendo uma iniciativa conjunta promovida pela coordenação de base local, Secretaria Municipal de Saúde e Secretaria Municipal de Educação. Contempla escolares de 8 a 12 anos e tem duração de 08 meses, estando em seu terceiro ano consecutivo de atividades. Os alunos participam de demonstrações educativas, sob orientação da coordenadora da base e da técnica de enfermagem socorrista. Este projeto tem feito a diferença no quesito educação em saúde, fazendo com que as crianças aprendam brincando. Desta forma, consegue-se estimular estas crianças a terem melhor desempenho escolar, um dos principais critérios para fazer parte do Samuzinho, contribuindo assim com a educação, a socialização e o ideal de cuidado com o próximo.

“• Promover educação em saúde para crianças de 8 a 12 anos • Contribuir para o fortalecimento dos conceitos de valorização da vida, cidadania e solidariedade • Divulgar a conduta correta em situações de urgência e emergência através do Serviço 192. ” as crianças aprendem semanalmente, em um período de oito meses e paralelamente ao ano letivo, noções básicas de primeiros socorros e de como agir até a chegada do SAMU. São utilizados nas aulas recursos audiovisuais e equipamentos, ambulância do SAMU e bonecos de simulação realística. em eventos municipais, os alunos realizam atividades de orientação à comunidade, panfletagem e desfiles cívicos, devidamente trajados com uniformes como os profissionais do SAMU. A composição das turmas é feita por indicação da secretaria municipal de saúde (50%) e por escolares da rede pública de ensino com bom desempenho escolar, indicados pela secretaria municipal de educação (50%), na faixa etária de 8 a 12 anos.

o projeto Samuzinho, em seu terceiro ano de funcionamento, totalizou a formação de 30 crianças capacitadas a identificar situações de urgência e emergência, prestar primeiros socorros básicos e acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência quando necessário. Prevê-se para o ano de 2019 a formação de mais duas turmas compostas por 10 alunos cada, dando continuidade ao projeto.”Diante dos relatos de familiares e alunos, percebe-se que o projeto contribui na integração entre SAMU e comunidade, além de conscientizar crianças, pais e população em geral sobre a conduta correta em situações de urgência e emergência, a importância da vida e o regaste da cidadania, motivando as crianças a terem bom rendimento na escola. Desta forma, o SAMU 192 tem contribuído na formação social e pedagógica de cidadãos mais atuantes, conscientes de seu dever enquanto membros da sociedade.

Principal

Kallynka Fonseca Soledade

kallynkinha@hotmail.com

Coautores

Franciane Moura Teixeira Crisóstomo Borges, Maria Juliana Dos Santos Nascimento,

A prática foi aplicada em

Riachão das Neves

Bahia

Nordeste

Instituição

Praça 19 De Julho, Sn - Centro - Riachão Das Neves - Ba Cep 47970000

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Franciane Moura Teixeira Crisostomo Borges

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal