Olá,

Visitante

Implantação do Acolhimento Como Estratégia para Melhoria do Acesso da População Aos Serviços e Reorganização do Processo de Trabalho na Unidade Básica de Saúde Campo Alegre em Jaramataia – Alagoas

FINALIDADE DA EXPERIÊNCIA: Implantar o acolhimento como estratégia para melhoria do acesso dos usuários aos serviços na Unidade Básica de Saúde

Nos últimos anos, no Brasil, existe uma constante preocupação voltada para a qualidade do atendimento nos serviços de saúde pública, apontando para a importância do acolhimento à demanda espontânea dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). O atendimento a esta demanda envolve ações que devem ser realizadas em todos os pontos de atenção à saúde, entre eles os serviços de atenção básica (SILVA, 2012).A Política Nacional de Humanização aposta que alguns modos de organizar os processos de trabalho em saúde – alguns “arranjos” – facilitam o enfrentamento dos problemas e potencializam a produção de saídas criativas e singulares em cada contexto. Aponta algumas diretrizes a serem colocadas como nossa “utopia”, que estarão sempre a serem alcançadas, nunca prontas, sempre mais à frente, entre elas o acolhimento. Acolhimento é a escuta qualificada e a postura cidadã e humanizada dada a todo usuário que procura a Unidade Básica de Saúde (UBS). Está relacionado tanto com a atitude individual de cada profissional de saúde, como também na reorganização do processo de trabalho do serviço, de forma a facilitar a escuta dos usuários que o procuram e a resolução dos seus problemas (BRASIL, 2009). Desse modo, o acolhimento constitui uma forma de humanizar e organizar o trabalho em saúde, com vistas à importância de se implantar um vínculo entre profissional e usuário, tornando o acolhimento uma estratégia para melhorar a assistência à saúde nas unidades.A iniciativa de implantação do acolhimento na Unidade Básica de Saúde Campo Alegre partiu da necessidade de organizar a demanda por atendimento, superar filas de espera nas marcações das consultas e favorecer a qualidade na gestão do cuidado das famílias assistidas pelos profissionais desta unidade.

Organizar-se a partir do acolhimento dos usuários exige que a equipe reflita sobre o conjunto de ofertas que ela tem apresentado para lidar com as necessidades de saúde da população, pois são todas as ofertas que devem estar à disposição para serem agenciadas, quando necessário, na realização da escuta qualificada da demanda. É importante, por exemplo, que as equipes discutam e definam (mesmo que provisoriamente) o modo como os diferentes profissionais participarão do acolhimento. Assumir efetivamente o acolhimento como diretriz é um processo que demanda transformações intensas na maneira de funcionar a atenção básica. Isso requer um conjunto de ações articuladas, envolvendo usuários, trabalhadores e gestores, pois a prática do acolhimento dificilmente se dá apenas a partir da vontade de um ator isolado. Através da reorganização do processo de trabalho é possível uma melhor utilização dos recursos da Unidade de Saúde, qualificando o trabalho dos profissionais, integrando-os na assistência e resgatando o trabalho multiprofissional. Essa mudança pode possibilitar a ampliação de espaços democráticos de discussão,de decisão, de escuta e de trocas, desencadeando um intenso movimento de forças criativas e propostas inovadoras. Apesar das dificuldades, vários pontos positivos após a implantação do acolhimento na Unidade Básica de Saúde Campo Alegre apontam para a melhoria da qualidade da assistência e satisfação do usuário. Demonstrou também um grande ganho para a equipe em relação á organização do processo de trabalho, pois o acolhimento foi apontado como um dispositivo disparador de mudanças. Segundo relatos da equipe o acolhimento se tornou essencial ao serviço, pois trouxe mudanças positivas através do trabalho multiprofissional e em equipe, centrado nas necessidades do usuário. Ao atuar com foco no usuário e nas necessidades deste, contribuiu para o fortalecimento da relação entre profissional e usuário e para a qualificação da assistência. O acolhimento deve ser visto como dispositivo potente para atender a exigência de acesso e garantir o atendimento qualificado, será cada vez mais efetivo se houver capacitação dos profissionais para recepcionar, escutar, atender, dialogar, tomar decisão, amparar orientar e negociar, visando o bem estar do paciente e satisfação dos profissionais de saúde.

Principal

Francisca Gerlândia Veriato de Sousaimplantação do Acolhimento Como Estratégia Para Melhoria do Acesso da População Aos Serviços E Reorganização do Processo de Trabalho Na Unidade Básica de Saúde Camp

A prática foi aplicada em

Jaramataia

Alagoas

Nordeste

Instituição

RUA PREFEITO OLAVO BARBOSA, 143 –CENTRO

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Francisca Gerlândia Veriato de Sousaimplantação do Acolhimento Como Estratégia Para Melhoria do Acesso da População Aos Serviços e Reorganização do Processo de Trabalho Na Unidade Básica de Saúde Camp

Conta vinculada

02 jun 2023

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
A Incorporação da Busca Ativa Vacinal À Estratégia Vacina Mais Campina: Rumos da Intersetorialidade
Práticas
Estratégias para Aumentar a Cobertura Vacinal no Município de Custódia-pe: Integrando o s Setores Públicos
Práticas
Estratégias da Campanha de Vacinação de Covid-19 Como Guia para o Fortalecimento das Ações de Resgate das Coberturas Vacinais de Rotina
Práticas
Projeto Vacinando Com natal
Práticas
Programa Imuniza Siriri. Vacina Mais Perto de Você!
Práticas
Declaração de Vacinação Atualizada – Dva uma Estratégia Intersetorial para a Melhoria da Cobertura Vacinal de Uruaçu-go: Relato de Experiência
Práticas
Vacinação em Massa Contra a Covid-19 na Fronteira Brasil/bolívia no Município de Corumbá-ms, 2021: Desafios e Conquistas
Práticas
Ação Extramuro de Imunização À População Trabalhadora da Zona Urbana e de Áreas de Difícil Acesso no Município de Comodoro-mt
Práticas
Vacinação em Dia! Estratégias para Recuperação das Coberturas Vacinais no Município de Vitória-es
Práticas
Vacinação Itinerante e Ações nas Escolas do Município