Olá,

Visitante

Ginástica Laboral para Colaboradores da Ubs

A Ginástica Laboral tem como característica principal as atividades preventivas e terapêuticas realizadas no ambiente de trabalho com a finalidade da redução de lesões (LER e DORT) e ainda a queda no desempenho no ambiente laboral.A sua eficácia já é comprovada cientificamente, atuando na prevenção e controle de rigidez muscular, desconfortos e outras disfunções. Além dos benefícios físicos a Ginástica Laboral propicia momentos de interação entre a equipe de trabalho o que favorece a redução do estresse, estimula a relação interpessoal e também repercute na produtividade do colaborador.A prática da mesma precisa ser realizada de forma regular, instruída por um profissional habilitado e capacitado e em um ambiente apropriado. A Ginástica Laboral dispensa o uso de equipamentos para a realização das atividades, porém, estes podem ser utilizados para contribuir na melhor qualidade do atendimento, sendo alguns equipamentos sugeridos: bolas, bastões, obstáculos e até mesmo cadeiras e colchonetes. Em um estudo recente realizado pelo Ministério da Saúde relacionado a prática da Ginástica Laboral obteve como resultado: Um aumento de 2 a 5% na produtividade, redução de 20 a 25% nos acidentes ocupacionais, diminuição no número de demissões de 10 a 15%.Para que o objetivo da Ginástica Laboral seja alcançado é necessário atentar-se em alguns pontos como: duração, intensidade, tipo de atividade e a frequência que a mesma é realizada.

O índice de disfunções músculo esqueléticas, depressão e o estresse têm aumentado consideravelmente nos últimos anos, gerando gastos com saúde e previdência tanto na iniciativa privada como pública. Diante disso, há a necessidade da busca de alternativas que combatam tais disfunções e enfatizem um tratamento conservador, evitando o uso descontrolado de fármacos e os afastamentos ocupacionais.Com os avanços das pesquisas na área da saúde, a eficiência da Ginástica Laboral vem sendo comprovada, bem como sua prática cada vez mais implantada por instituições, empresas e órgãos públicos.

Recomendo o uso da prática em grupos na UBS, fortalecendo o vínculo entre profissionais, possibilitando uma melhor qualidade no trabalho desempenhado.

Principal

Tatiane Boastik

tatyboastik@gmail.com

A prática foi aplicada em

Pará

Norte

Instituição

Santa Terezinha do Progresso

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Tatiane Boastik

Conta vinculada

08 jul 2018

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
de Bem com a Vida”: Experiência do Grupo de Manejo da Ansiedade da Uaps Jardim Paraíso no Município de Patos de Minas
Pará
Práticas
Artesanato Como Prática de Promoção em Saúde Mental.
Rio de Janeiro
Práticas
Utilização do Lúdico Como Estratégia de Favorecimento do Atendimento e Vínculo com o Paciente odontopediátrico na Estratégia de Saúde da Família.
Espírito Santo
Práticas
Escola de Postura: Prevenção da Lombalgia, Através da Motivação da Prática Corporal, Contribuindo para a Melhoria da Qualidade de Vida dos Usuários de Irecê, Bahia.
Bahia
Práticas
Oficina de Culinária Kids: uma Ferramenta para Despertar a Alimentação Saudável das Crianças do Programa Saúde na Escola.
Bahia
Práticas
Isaba Kiambote [Bem Vinda a Folha]
Rio de Janeiro
Práticas
Ultrapassando Barreiras: o Acesso a Saúde no Sistema Prisional.
Santa Catarina
Práticas
Consultório na Rua e a Potência do Cuidado no Território: Produção de Afetos e Encontros
Alagoas
Práticas
Clube da Papinha: uma Estratégia de Adequação Nutricional e Promoção da Alimentação Complementar Saudável no Município de Timbaúba-Pe.
Paraíba
Práticas
Impacto do Programa Antitabagismo no Munícipio de São José da Lagoa Tapada – Pb
Paraíba