Olá,

Visitante

Ginástica Laboral para Colaboradores da Ubs

A Ginástica Laboral tem como característica principal as atividades preventivas e terapêuticas realizadas no ambiente de trabalho com a finalidade da redução de lesões (LER e DORT) e ainda a queda no desempenho no ambiente laboral.A sua eficácia já é comprovada cientificamente, atuando na prevenção e controle de rigidez muscular, desconfortos e outras disfunções. Além dos benefícios físicos a Ginástica Laboral propicia momentos de interação entre a equipe de trabalho o que favorece a redução do estresse, estimula a relação interpessoal e também repercute na produtividade do colaborador.A prática da mesma precisa ser realizada de forma regular, instruída por um profissional habilitado e capacitado e em um ambiente apropriado. A Ginástica Laboral dispensa o uso de equipamentos para a realização das atividades, porém, estes podem ser utilizados para contribuir na melhor qualidade do atendimento, sendo alguns equipamentos sugeridos: bolas, bastões, obstáculos e até mesmo cadeiras e colchonetes. Em um estudo recente realizado pelo Ministério da Saúde relacionado a prática da Ginástica Laboral obteve como resultado: Um aumento de 2 a 5% na produtividade, redução de 20 a 25% nos acidentes ocupacionais, diminuição no número de demissões de 10 a 15%.Para que o objetivo da Ginástica Laboral seja alcançado é necessário atentar-se em alguns pontos como: duração, intensidade, tipo de atividade e a frequência que a mesma é realizada.

O índice de disfunções músculo esqueléticas, depressão e o estresse têm aumentado consideravelmente nos últimos anos, gerando gastos com saúde e previdência tanto na iniciativa privada como pública. Diante disso, há a necessidade da busca de alternativas que combatam tais disfunções e enfatizem um tratamento conservador, evitando o uso descontrolado de fármacos e os afastamentos ocupacionais.Com os avanços das pesquisas na área da saúde, a eficiência da Ginástica Laboral vem sendo comprovada, bem como sua prática cada vez mais implantada por instituições, empresas e órgãos públicos.

Recomendo o uso da prática em grupos na UBS, fortalecendo o vínculo entre profissionais, possibilitando uma melhor qualidade no trabalho desempenhado.

Principal

Tatiane Boastik

tatyboastik@gmail.com

A prática foi aplicada em

Pará

Norte

Instituição

Santa Terezinha do Progresso

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Tatiane Boastik

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

08 jul 2018

e atualizada em

14 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Ações intersetoriais: integrando estratégias no combate às arboviroses na cidade de Belém do Brejo da Cruz (PB)
Paraíba
Práticas
Re(h)abilitando a interdisciplinaridade e o cuidado na atenção primária à saúde
Paraíba
Práticas
A (in) visibilidade de quem está em situação de rua: caminhos possíveis para cuidado em saúde
Paraíba
Práticas
Do ambulatório LGBTQIAPNB+ ao Café com Diversidade: garantindo acesso e fortalecimento de vínculos
Paraíba
Práticas
Fato ou fake: utilizando a força da internet no combate a fake news sobre vacinação em Esperança – PB.
Paraíba
Práticas
Projeto saúde na feira: ampliando o acesso de serviços de saúde no município de Ingá.
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Promoção da saúde mental dos trabalhadores da estratégia de saúde da família: cuidando do cuidador.
Paraíba