Olá,

Visitante

Ensinando e Aprendendo a Enfermagem Que Queremos

Finalidade da experiência

A enfermagem tem na ação educativa, seus principais eixos norteadores, que fazem parte do processo de cuidado e assistência prática dessa profissão, em especial no campo da saúde pública, sejam das desenvolvidas nos serviços de saúde, nas escolas e até mesmo na comunidade em geral. Esse olhar humano implica a ação educativa do profissional de saúde, e torna-se eixo fundamental na formação e no processo de aprendizagem prática durante essa profissionalização, no que se refere à necessidade de identificar ambientes disciplinares e educativos, fora da sala de aula, que sejam capazes de potencializar essa prática educativa. Segundo LORENCETTE (2009), para exercer a enfermagem, o profissional deve ter conhecimento científico, pensamento crítico e julgamento clínico. Saber executar os procedimentos e saber desenvolver pesquisas, mas é preciso ir além, é preciso saber relacionar-se com as pessoas, com a equipe e, principalmente, com os pacientes e familiares. É preciso ter um olhar crítico e integrar-se com as pessoas que estão ao nosso redor, é preciso exercer uma enfermagem solidária, que não se preocupe apenas com a bandeja de medicamentos e horário de administração dos mesmos, mas uma enfermagem que desenvolva a humanização e a sensibilidade em questões que estão além da prática do cuidado. Dessa forma, as práticas inspiradas no processo solidário pressupõem a necessidade de mostrar a interface da assistência social em saúde, e este projeto intensivo mostra que ainda hoje, muitas práticas educativas desenvolvidas no campo da enfermagem, mantém como enfoque a necessidade de incorporar e compreender fatores determinantes dos problemas de saúde, neste caso voltado à extrema pobreza e desnutrição alimentar, fatores estes que estão ligados ao baixo índice de alfabetização, o que acarreta a falta de emprego e de oportunidades no mercado. Portanto diante desta perspectiva entendemos que a responsabilidade em conhecer a realidade local e os fatores que desencadeiam os maiores problemas de saúde existente em uma sociedade específica, é de todos, até mesmo dos docentes e estudantes em saúde, independente de sua área de atuação e no caso da enfermagem, aprendendo e ensinando a exercer uma enfermagem sempre solidária, desencadeando no estudante da área de saúde uma educação social e uma conscientização sobre a corresponsabilização em saúde.

Muitas vezes os efeitos e impactos de um projeto são abordados de forma a destacar o grau de abrangência, entretanto sem deixar de considerar a abrangência como fator importante no processo de transformação devemos refletir sobre o despertar para esse tipo de projeto, a visão de futuro em obter profissionais preocupados com a realidade das pessoas que utilizam os serviços de saúde e de sua percepção em relação aos fatores condicionantes e determinantes do processo saúde-doença.Trabalhar a ação educativa em saúde e relacioná-la com a solidariedade como forma de educação e valorização da humanidade na saúde é bastante satisfatório. Essa proposta metodológica desperta uma ação de planejamento dinâmico, ou seja, o profissional de saúde deve estar sistematicamente avaliando e reorientando o planejamento de diversas ações com o intuito de suprir necessidades identificadas. Consideramos ainda que a ação educativa do cuidado em enfermagem no processo de saúde pública pode ocorrer de diversas maneiras, tanto em momentos formais quanto em atividades em campo, visitas domiciliares e ação de cidadania, como apresentado no projeto “Ensinado e aprendendo a enfermagem que queremos”. Por fim, o convívio social e o respeito às diferenças sociais, torna-se fator tão ou mais importante que as informações técnicas absorvidas em sala de aula. A educação social caracteriza um fator importante no processo de aprendizagem profissional, pois identifica e cria um profissional consciente, fazendo-se necessário a criação de um olhar mais humanístico no cuidado da enfermagem, propiciando o fortalecimento das práticas educativas em saúde pública.

Principal

Não Informado

saúde.ananas@gmail.com

A prática foi aplicada em

Ananás

Tocantins

Norte

Instituição

Rua Santos Dumont, nº 75,Centro.

Uma organização do tipo

Instituição pública

Foi cadastrada por

Não Informado

Conta vinculada

11 set 2016

e atualizada em

14 set 2023

Seu Período de Execução foi de

até

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Pode ser lindo aprender no SUS: uma proposta para o acolhimento dos futuros trabalhadores da saúde
Rio de Janeiro
Práticas
Mas eu não consigo doutor – Grupos dialógicos para a APS – Juntos nós podemos
Rio de Janeiro
Práticas
Novos horizontes para a educação permanente em saúde: alcançando as necessidades do SUS
Rio de Janeiro
Práticas
Estágio na Comunidade: Ações de Educação em Saúde Realizadas na Comunidade Vale da Cachoeira no Municipio de Palmas/To
Tocantins
Práticas
Projeto Cuidar de Quem Cuida
Pará
Práticas
Reorganização da Atenção Primária do Município de Canaã dos Carajás- Pará, Através da Implantação do Acolhimento À Demanda Espontânea e Prontuário Eletrônico do Cidadão Integrado
Pará
Práticas
Educação em Saúde Ferramenta Primordial na Esf Hiperdia
Pará
Práticas
Linguinha solta assegurando um futuro saudável e sustentável
Goiás
Práticas
Incentivando o mais simples em busca de melhores resultados – aleitamento materno
Goiás
Práticas
Projeto Samu nas escolas – lei Lucas nas escolas da rede municipal de educação de São Luís
Maranhão