Olá,

Visitante

“Costurando Almas”: Promoção de Práticas Integrativas dos Usuários de Alcool e Outras Drogas, Residentes Numa Comunidade Terapêutica em Água Branca-Piauí

A Fundação Padre Pio (comunidade terapêutica casa de vida verdadeira) iniciou seus trabalhos no ano de 2009, localizada no povoado barreiros no município de Água Branca- Pí. A instituição tem como objetivo a prevenção, tratamento e reinserção social de dependentes de álcool e outras drogas, através da programação de amor a vida. Atendendo no momento 21 internos com capacidade de até 30 usuários, o público alvo de atendimento são pessoas do sexo masculino com faixa etária entre 18-60 anos de idade. A dependência química compromete a vida de aproximadamente 10% da população mundial. as comunidades terapêuticas, oferecem alternativas para o atendimento às pessoas dependentes de substâncias psicoativas, desejosas de tratamento. A Secretaria Municipal de Saúde de Água Branca-Pi apoia as organizações não governamentais no desenvolvimento de ações de recuperação, promoção e prevenção em saúde.

Promover a qualidade de vida deste grupo de usuários de drogas, onde eles possam vivenciar um ambiente acolhedor, prevenção de doenças emocionais, controle da abstinência, artística e verbal, promovendo bem-estar físico e mental. o NASF AB de Água Branca – PI acompanha de perto o grupo de usuários de drogas que estão em tratamento na comunidade terapêutica Padre Pio, e após levantamento quantitativo dessas pessoas, observou uma grande quantidade de usuários que apresentam alterações físicas, motoras e ou mentais, com a utilização de um instrumental técnico-operativo para intervir diretamente com o fornecimento de informações úteis. Realizados encontros quinzenais, com duração variando de acordo com a atividade proposto (realização de exercícios físicos, oficinas de ajuda mútua na troca de experiências, rodas de conversa, dinâmicas de grupo, palestras, etc.) e em seguida aplicado o questionário de avaliação da qualidade de vida destes usuários (WHOQOL BREF).

Proporcionar um espaço de socialização e Promoção de saúde física e mental Avaliação com o questionário WHOQOL BREFi, realizado com usuários que residem na casa de vida verdadeira, homens, correspondendo a 10 pacientes 50,2%. A idade variou entre 18 e 60 anos. os resultados representam a satisfação dos pacientes quanto à saúde observou-se um aumento de 80,0% após inicio das praticas integrativas e atividade física Houve o predomínio de satisfação com a qualidade de vida quanto ao domínio psicológico cerca de 75%, representado pelos 10 usuários.A atuação da equipe multiprofissional agiu na melhoria da qualidade de vida dos usuários residentes na comunidade terapêutica, Portanto através de um plano de ação baseado em educação em saúde e pautado na importância da prática do exercício físico, orientações multiprofissional e articulação intersetorial de atuação ao usuário do sus, pretende-se difundir uma mudança na implementação de estratégias eficientes para superar problemas como abstinência e melhorar sua qualidade de vida.

Principal

Eleale Leal Martins

elialy.l@hotmail.com

Coautores

Joelma Brito Da Silva

A prática foi aplicada em

Água Branca

Piauí

Nordeste

Instituição

Q.I Lote:06 Bairro: Alto Vile

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Amilton Feitosa Da Silva

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal