Olá,

Visitante

Acesso Avançado na Ubs Novo Horizonte: Processo de Implantação e Resultados

E.S.F do Novo Horizonte está situada no Distrito Oeste da capital, cobrindo parte dos bairros de Bom Pastor e Quintas com 10 mil usuários na área (IBGE 2010). em 2009 houve a implantação do acolhimento enquanto eixo transversal na linha do cuidado na lógica do “Posso Ajudar” como fio condutor do usuário. Com adequação das agendas e estruturação da escuta rápida e qualificada para resolutividade da demanda espontânea a partir de agosto de 2016 alcançando o ideal de melhoria do acesso na atenção básica com o acesso avançado.

Melhorar acesso e qualificar o cuidado através da institucionalização da escuta rápida e qualificada, proporcionar maior autonomia aos profissionais e usuários, aproximar o atendimento das necessidade das demandas diárias dos usuários, melhorar o cli o projeto iniciou com os estagiários de medicina em saúde coletiva da UFRN com avaliação das práticas de acolhimento existentes, evidenciado seus limites, e a partir da discussão com a equipe foi formulada e apresentada a proposta de implantação do Acesso Adequado, que após negociação com a equipe foi implantada de modo progressivo alterando os modos de escuta, com a instituição da escuta rápida e qualificada, adequação da agenda de trabalho dos médicos e enfermeiros, a qualificação em processo dos profissionais das equipes e o diálogo com os usuários. A experiência requer contínua avaliação pela equipe e ajustes têm sido feitos para aprimorar o processo de mudanças.

Institucionalização da escuta rápida na porta de entrada, mantendo os profissionais da recepção bem informados e em consonância com as condutas dos demais setores. Maior autonomia dos técnicos de enfermagem que fazem avaliação da sala de espera e comunicação entre profissionais de nível superior e recepção. Institucionalização da escuta qualificada com enfermeiros. Aumento no nível de reflexão dos usuários sobre a construção do processo de cuidado. Valorização profissional do enfermeiro com aumento da resolutividade da consulta de enfermagem. Aumento das trocas entre os profissionais do nível superior, maior quantidade de interconsultas e encaminhamentos Internos aumentando a resolução de casos no dia. Fim das filas na madrugada.Dar conta da demanda espontânea é uma decisão da instituição e desafio diário, mas é a única forma de não fazer o usuário sofrer em peregrinações, desafogando as Unidades de Pronto Atendimento de demandas da atenção básica. A autonomia da recepção e equipe consistida é o que possibilita o início de boas decisões, continuadas pela avaliação dos técnicos de enfermagem que preparam para a escuta qualificada com os enfermeiros, consulta médica dia, agendamento da consulta médica ou de enfermagem.

Principal

Hugo Diógenes Souza Bezerra

hugodsb@gmail.com

Coautores

Maria Penha De Medeiros

A prática foi aplicada em

Natal

Rio Grande do Norte

Nordeste

Instituição

Av. Das Américas, N1722. Casa 245. Bairro: Parque Das Nações. Parnamirim/Rn

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Maria Penha De Medeiros

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

23 set 2023

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

nenhuma

Você pode se interessar também

Práticas
Título: Autismo – uma causa municipal.
Paraíba
Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal