Olá,

Visitante

A Atuação da Equipe de Saúde Prisional na Penitenciária Estadual de Alcaçuz: um Relato de Exepriência

o Município de Nísia Floresta/RN comporta em seu território geográfico a Penitenciária Estadual de Alcaçuz, com isto se deu a necessidade de prestar uma assistência a esta população, tendo a equipe de saúde instalada em fevereiro de 2017. A Assistência em saúde é prestada por Enfermeiros, Médicos, Odontóloga, Técnico de Enfermagem e de Saúde Bucal, Psicóloga e Assistentes Sociais.

Descrever a atuação da equipe de saúde prisional na assistência à saúde da população privada de liberdade em Alcaçuz e suas limitações. Registrar a participação das esferas governamentais na cogestão e manutenção da equipe de saúde prisional. Este estudo se caracteriza como um relato de experiência onde visa mostrar a atuação da Equipe de Saúde Prisional na Penitenciária de Alcaçuz, onde abriga atualmente 2320 pessoas privadas de liberdade do sexo masculino. É prioridade pela equipe de saúde a realização e implementação de atividades junto à população privada de liberdade que possa garantir o combate e/ou controle da tuberculose, identificação das IST’s, hipertensos e diabéticos, agravos psicossociais, vacinação, entre outros. o trabalho se torna eficaz vista a realização do uso de tecnologias leves como a escuta/triagem dentro dos pavilhões, efetivando a identificação precoce dos agravos buscando suas resolutividades.

as práticas de saúde realizadas na Unidade Prisional de Alcaçuz seguem as orientações e diretrizes do Ministério da Saúde. o trabalho se torna eficaz vista a realização do uso de tecnologias leves como a escuta/triagem dentro dos pavilhões, efetivando a identificação precoce dos agravos em saúde agendando as consultas necessárias para suas resolutividades. No ano de 2017 foram notificados aproximadamente 100 pacientes com tuberculose, tendo estes, iniciado seus tratamentos dentro da Unidade, sendo acompanhados pela equipe de saúde prisional. A realização de testes rápidos para HIV nos pacientes com Tuberculose é protocolo padrão, sendo realizado no início do tratamento.as barreiras existentes na efetivação da PNSSP em Alcaçuz aos poucos vão sendo derrubadas, onde podemos ver um grande envolvimento dos gestores, agentes penitenciários, população privada de liberdade e seus familiares no tocante ao apoio desta equipe de saúde onde vem desempenhando um bom trabalho efetivando uma assistência de qualidade.

Principal

João Wellton De Azevedo Henrique Júnior

juniormoreira1@hotmail.com.br

Coautores

Renata Cristina De Morais, Ana Paula Pinheiro Dos Santos.,

A prática foi aplicada em

Nísia Floresta

Rio Grande do Norte

Nordeste

Instituição

Rua Bela Vista- A, Nº 04. Bairro Conj. Jessé Freire 2 Nísia Floresta-Rn.

Uma organização do tipo

Instituição Privada

Foi cadastrada por

Lidiane Rodrigues Da Costa

Conta vinculada

A prática foi cadastrada em

23 set 2023

e atualizada em

22 mar 2024

Condição da prática

Concluída

Situação da Prática

Arquivos

Palavras-chave

Você pode se interessar também

Práticas
TEA/TDAH: inclusão sem discriminação
Paraíba
Práticas
Visita de luto – uma atitude humanizada
Rio de Janeiro
Práticas
Vacinação Sem Barreiras: um Grande Desafio
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Vacinação: Estratégias para o Aumento da Cobertura Vacinal no Município de Barrolândia – TO
Todos os Estados (Norte)
Práticas
Plano de Recuperação do Faturamento Ses/Df
Distrito Federal
Práticas
Sala de Situação Ses-Df
Distrito Federal
Práticas
Rede Inovases
Distrito Federal
Práticas
Diagnóstico de Atendimento da População Hipertensa/Diabética da Equipe 474/06
Distrito Federal